segunda-feira, 27 de maio de 2024
Search
Close this search box.
Publicidade

Vereadora Márcia Socorristas participa de solenidade e destaca importância da apicultura em Porto Velho

No Brasil, existem 350 espécies de abelhas sem ferrão, e muitas delas são criadas com o objetivo de produzir mel, própolis, geleia real, pólen e cera de abelha.

A vereadora Márcia Socorristas Animais (PSDB) esteve participando de solenidade para a entrega de centenas de caixas para criação de abelhas e, na oportunidade, destacou a importância deste ramo em nossa cidade.

Publicidade

Fruto de emenda parlamentar da deputada estadual Ieda Chaves, no valor de R$100 mil reais, as 400 caixas para a criação das abelhas foram encaminhadas para a Secretaria de Estado de Agricultura (Seagri).

As abelhas afetam a nossa vida diariamente. Além de produzirem o mel, elas são responsáveis pela polinização de inúmeros alimentos, como as frutas, legumes e os grãos, garantindo a segurança alimentar de toda a humanidade. Ao pousar de flor em flor, elas usam os muitos pelos que possuem em seu corpo para coletar o seu pólen, o qual elas transportam depois para outras flores. Isso torna esses insetos importantes polinizadores.

No Brasil, existem 350 espécies de abelhas sem ferrão, e muitas delas são criadas com o objetivo de produzir mel, própolis, geleia real, pólen e cera de abelha.

A vereadora Márcia Socorristas agradeceu à deputada Ieda Chaves pela importante destinação do recurso e salientou a importância das abelhas na sobrevivência do ser humano, pois são responsáveis pela produção de 85% de frutas e legumes.

Publicidade

“É importante nós, como representantes do povo, defendermos a criação de abelhas sem ferrão na área urbana de Porto Velho, pois no setor rural há muito agrotóxico e isso acaba matando as abelhas. As caixas para a criação adquiridas através do recurso destinado pela deputada Ieda Chaves tem uma importância muito grande para a apicultura em nossa cidade”, concluiu a vereadora.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de

Não temos mais notícias para mostrar.