Polícia

ESTELIONATO – Mulher perde quase R$ 2 mil em negociação de iPhone

Logo após ser feito o pagamento através de PIX, Eduardo mandou áudio no WhatsApp informando que Ivanete havia caído em um golpe e que não ficaria com o aparelho celular.

Por Lente Nervosa

quinta-feira, 13/01/2022 - 01:54
ESTELIONATO – Mulher perde quase R$ 2 mil em negociação de iPhone

Na tarde desta quarta (12), uma mulher de 48 anos, identificada como Ivanete foi vítima de golpe após negociar a compra de um aparelho celular iPhone 8 plus através do Marketplace, no Facebook. O verdadeiro dono do celular e que estava o vendendo é um adolescente de 17 anos.

A vítima relatou que viu o anúncio do aparelho para venda e entrou em contato com uma mulher identificada como Lorrayne, que pediu o número de contato da mulher, pois seu marido iria realizar a negociação do aparelho.

Logo em seguida um homem se identificando como Eduardo passou a conversar com Ivanete através do WhatsApp. Eduardo afirmou que estava viajando e que um amigo seu iria mostrar o aparelho celular para Ivanete.

Foi marcado encontro na loja Havan, na Rua da Beira com Rua Buenos Aires e o adolescente de 17 anos levou o celular e mostrou para a filha de Ivanete. Após a jovem confirmar para a mãe que havia gostado e queria o aparelho, Ivanete fez PIX no valor de R$1.850,00 para Lorrayne.

Logo após ser feito o pagamento através de PIX, Eduardo mandou áudio no WhatsApp informando que Ivanete havia caído em um golpe e que não ficaria com o aparelho celular. A mesma mensagem de áudio ao adolescente dono do celular.

COMO FUNCIONOU O CRIME

Eduardo viu o anúncio do adolescente e fez outra publicação com as mesmas informações sobre o aparelho, mas colocando seu telefone de contato ao invés do celular do vendedor real.

O estelionatário então faz a intermediação da compra e venda do celular sem deixar que o vendedor real e a cliente fiquem sabendo do golpe. Geralmente os criminosos afirmam estarem viajando ou trabalhando e que outra pessoa irá mostrar o celular para o comprador.

Por fim, a vítima acaba pagando o valor do aparelho ao estelionatário e como o dinheiro não cai na conta do verdadeiro vendedor ambos por fim percebem que caíram em um golpe.

Leia mais sobre:

Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email