Rondônia

Prejuízo com furto de materiais da iluminação pública chega a R$ 500 mil em 6 meses na capital

A população é a primeira prejudicada, porque as ruas ficam sem iluminação e, consequentemente, quem transita por elas corre riscos.

Por Rondoniagora

quinta-feira, 22/07/2021 - 18:38
Prejuízo com furto de materiais da iluminação pública chega a R$ 500 mil em 6 meses na capital

Uma prática criminosa que continua a prejudicar os cofres públicos e a segurança da população é o furto de materiais ligados à iluminação pública. Só no primeiro semestre, os danos à Prefeitura de Porto Velho chegam a R$ 500 mil.

São furtados transformadores, fios e cabos de energia elétrica. A população é a primeira prejudicada, porque as ruas ficam sem iluminação e, consequentemente, quem transita por elas corre riscos.

No primeiro semestre de 2021, seis pontos da cidade registraram esse tipo de ocorrência, com predominância em áreas próximas a viadutos e praças.

Segundo o diretor-presidente da Emdur, Gustavo Beltrame, o prejuízo vai além do furto: “O Município acaba tendo um custo adicional para refazer a instalação elétrica e a população que fica sem iluminação até que o serviço seja normalizado”, explica.

De acordo com os últimos registros, uma parte expressiva dos autores são de usuários de entorpecentes que furtam os materiais com o objetivo de extrair metais, como cobre e alumínio, e vendê-los no mercado a um preço irrisório.

A orientação da Emdur é para que os moradores denunciem estas ocorrências através do telefone 190, acionando equipes da Polícia Militar.

A empresa busca outras formas de combater a prática criminosa. “Está em estudo a elaboração de uma minuta de um projeto de lei que prevê a compra desses materiais mediante a apresentação de nota fiscal. Acreditamos que atingiremos o centro nervoso deste comércio ilegal”, explica o diretor.

Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email