Rondônia

Conheça um pouco sobre o Candiru, o temido peixe da amazônia

sábado, 07/03/2020 - 20:30 • Atualizado 10/05/2021 - 21:28

O Candiru (Vandellia cirrhosa), também chamado de canero ou peixe-vampiro, é um peixe de água doce que pertence ao grupo comumente chamado de peixe-gato. Ele é encontrado nos rios da bacia amazônica e tem uma reputação entre os nativos de ser o peixe mais temido naquelas águas, até mais que a piranha. A espécie cresce até dezoito centímetros e tem forma de enguia, tornando-o quase invisível na água. O candiru é um parasita. Ele nada até as cavidades das guelras dos peixes e se aloja lá, se alimentando de sangue nas guelras, recebendo assim o apelido de “peixe-vampiro”.
Ataque a pessoas

O Candiru é um peixe muito temido pelas pessoas, afinal, em poucos minutos um cardume pode devorar um ser humano, restando apenas o esqueleto. O peixe que tem perfil hidrodinâmico de um supositório, ao ser atraído pelo cheiro ou, pode aprumar suas nadadeiras, ao fluxo da urina (no caso do banhista nu) e nadar até penetrar na uretra, no ânus ou na vagina. Ele então se instala e não tendo como voltar da mesma maneira que entrou pois ele abre a parte posterior do corpo e suas nadadeiras dão forma de guarda-chuva. Segundo alguns estudiosos, ele se alimenta do sangue e tecido do agente hospedeiro e só pode ser retirado por meio de cirurgia.

Enquanto o peixe localiza seu hospedeiro seguindo naturalmente um fluxo da água, com cheiro ou temperaturas diferentes, urinar ao se banhar aumenta as chances de uma penetração involuntária desse predador.

Fonte: Lente Nervosa
Leia mais sobre:

Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email