Rondônia

Operação Derision: secretário da Saúde de Candeias é afastado por 60 dias

Nesta manhã, os investigadores cumpriram mandados de busca e apreensão na residência do secretário Valter Queiroz e na casa de dois empresários.

Por Rondoniagora

terça-feira, 17/05/2022 - 18:33
Operação Derision: secretário da Saúde de Candeias é afastado por 60 dias

O secretário da saúde de Candeias do Jamari, Valter Gomes de Queiroz, foi afastado do cargo, durante a Operação Derision, deflagrada pela Delegacia de Combate à Corrupção (Decor), na manhã desta terça-feira (17), segundo informou a delegada Aline Neiva.

De acordo com a delegada, o afastamento do secretário será pelo período de 60 dias. “Nas investigações nós conseguimos constatar fraude na contratação por dispensa de licitação, a compra de insumos, cilindros e oxigênio e publicidade, usando recursos disponibilizados para o combate a pandemia da Covid-19. Com a diligência de hoje, a Polícia consegue concluir as investigações”, disse.

Banner publicitário Saga Veículos

Nesta manhã, os investigadores cumpriram mandados de busca e apreensão na residência do secretário Valter Queiroz e na casa de dois empresários.

A operação

A Operação mirou em um esquema criminoso de direcionamento em processos administrativos para aquisição de insumos, cilindros de oxigênio e publicidade, que seriam utilizados no combate à pandemia da Covid-19, para atender a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), daquele município.

A Polícia apurou que duas contratações realizadas, por meio de dispensa de licitação, não demonstraram vantagem do erário na aquisição, além de outros indícios que fundamentam as aquisições pelo setor público, e que beneficiaram diretamente dois empresários envolvidos, com a participação direta do secretário de saúde de Candeias do Jamari.

Leia mais sobre:

Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email