Rondônia

Volta às aulas presenciais: Sintero defende vacinação em massa de trabalhadores e de parte expressiva da população

O sindicato considera que a imunização em muitas localidades do Estado está caminhando de forma lenta, como é o caso de Porto Velho.

Por Rondoniagora

quinta-feira, 17/06/2021 - 11:59
Volta às aulas presenciais: Sintero defende vacinação em massa de trabalhadores e de parte expressiva da população

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia (Sintero) se posicionou de forma contrária ao retorno das aulas presenciais na rede pública estadual, definida através do decreto 26.134, publicado em edição suplementar do Diário Oficial nesta quinta-feira (17), pelo Governo do Estado.

Ao Rondoniagora, o sindicato afirmou permanecer com o mesmo posicionamento contrário até que haja vacinação em massa para todos os trabalhadores em educação e para uma parcela expressiva da sociedade.

O sindicato considera que a imunização em muitas localidades do Estado está caminhando de forma lenta, como é o caso de Porto Velho, e que, além disso, a maioria das vacinas contra a Covid-19 testadas e já aprovadas necessitam de duas doses para conferir uma taxa de proteção aceitável.

Também é destacado pelo Sintero, que os profissionais da educação não paralisaram suas atividades durante a pandemia e continuam sofrendo com a sobrecarga de trabalho, tendo que custear seus próprios equipamentos e despesas domésticas, sem o mínimo de assistência pelo Poder Público.

Leia mais sobre: ,

Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email