quinta-feira, 20 de junho de 2024
Search
Close this search box.
Publicidade

Garoto de 12 anos mentiu sobre cadáver desovado na zona sul para tentar unir os pais

Porto Velho, RO – Diversas equipes da Polícia Militar, Polícia Civil, rabecão do Instituto Médico Legal (IML) e até o helicóptero do Núcleo de Operações Aéreas (NOA) da Polícia Militar, foram designado para atender ocorrência de cadáver desovado em um grande terreno baldio localizado na Rua Genebra com Rua Monte Serrat, Bairro Novo Horizonte, zona sul da capital.

Publicidade
Um garoto de 12 anos informou aos policias que viu seu padrasto matar um homem com um tiro na cabeça e posteriormente jogou o corpo no terreno baldio na Rua Genebra. Nas primeiras horas da manhã, os policiais foram até o terreno e realizaram diversas buscas, inclusive com apoio de militares do Corpo de Bombeiros. Após longa busca os policiais encerraram as buscas e o garoto, seu pai e sua mãe foram levados para a Delegacia de Homicídios para prestar depoimento sobre possível falsa comunicação de crime. 
Atualmente o menino morava com sua mãe e seu padrasto e durante os questionamentos dos policiais, afirmou que inventou a história sobre o cadáver para que seu padrasto fosse preso e então seus pais voltassem a morar juntos. Os policiais irão apurar se o pai do garoto tem envolvimento na história.

Publicidade

Fonte: Lente Nervosa

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de

Não temos mais notícias para mostrar.