Rondônia

Garota de 12 anos que denunciou o ex-padrasto por estupro diz que se confundiu e suspeito é liberado

terça-feira, 28/04/2020 - 11:02

Vilhena, RO – A Polícia Militar foi acionada na madrugada do último domingo (26) para atender ocorrência de estupro. No local os policiais ouviram a adolescente de 12 anos e o suspeito, sendo ambos encaminhados para a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp).

A vítima informou para sua mãe que acordou com o ex-padrasto acariciando seus seios. Durante o atendimento da ocorrência a mãe da menina foi detida por abandono de incapaz. Mãe, vítima e suspeito foram encaminhados para a Unisp.
Porém, já na delegacia, a menina entrou em contradição sobre o que de fato aconteceu e disse que ficou confusa, negando ainda que tivesse sido molestada. O suspeito negou a prática criminosa e afirmou que estava jogando Free Fire no momento do ocorrido. Após registro de ocorrência todos foram liberados e o caso será investigado pela Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher, a Criança e ao Adolescente.
Fonte: Lente Nervosa
Leia mais sobre:

1 Comentário

  1. E cadê as autoridades para investigar isso? Onde há fumaça há fogo.

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email