domingo, 23 de junho de 2024
Search
Close this search box.
Publicidade

Mulher defende o marido que estuprava a filha desde os 11 anos e diz que a culpa é do diabo

Publicidade
Porto Velho, RO – A Polícia Civil através do Departamento Especializado em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca) com apoio de agentes do Serviço Velado de Investigação e Captura (Sevic) realizou a prisão de um homem de 42 anos suspeito de estuprar sua própria filha, de 13 anos.
Conforme informou a polícia, a criança estava sendo estuprada pelo pai desde que tinha onze anos. “Chegou ao ponto que a menina não conseguia mais segurar e ela acabou contando para uma colega de escola, e essa colega levou ao conhecimento da família. Houve a denúncia, a Polícia Militar foi até a casa, mas o suspeito conseguiu fugir”, relatou um dos policiais que participou da prisão do suspeito.
Um dos policiais que participou da operação para prender o suspeito informou que a mãe da criança era conivente com o estupro. “Mesmo sabendo que o marido cometia os abusos, a mulher saía de casa e deixava a vítima na companhia do infrator”, relatou o policial.

A criança foi levada por uma tia até a psicóloga e relatou com detalhes sobre como ocorriam os abusos. Feito exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), foi confirmado o estupro.
As investigações estão mais constantes desde a semana passada, pois o suspeito, após ficar ciente que a Polícia Civil estava lhe investigando, passou a dormir em vários locais diferentes. Na noite de ontem (14) os policiais permaneceram até às 23h aguardando em um dos endereços em que o suspeito poderia estar. Já na manhã desta quarta (15) ele foi preso em uma casa no Bairro Três Marias, zona leste da capital.

O suspeito não quis se pronunciar sobre os estupros, afirmando apenas que iria aguardar a chegada de seu advogado. A prisão foi em cumprimento ao mandado de prisão preventiva, sendo o indivíduo encaminhado para a sede do Depca, onde ficará à disposição da justiça.
Fonte: Lente Nervosa
Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de

Não temos mais notícias para mostrar.